2ª Edição das Experiências Exitosas de Gestão Municipal e Estadual no campo do Envelhecimento e Saúde da Pessoa Idosa

Estão abertas até o dia 30 de agosto as inscrições para a 2ª Edição da Seleção de Experiências Exitosas de Gestão Estadual e Municipal em Envelhecimento e Saúde da Pessoa Idosa.  Realizada pela primeira vez em 2013, a seleção recebeu mais de 100 experiências, destas,  12 foram selecionadas e divulgadas em diferentes espaços como o XXX Congresso do CONASEMS, ocorrido neste ano, em Serra/ES.

A iniciativa ocorre em parceria com o DATASUS, e as inscrições poderão ser realizadas por meio de formulário do FORMSUS, disponível no link: http://formsus.datasus.gov.br/site/formulario.php?id_aplicacao=16453

Os temas prioritários para apresentação dos trabalhos são:

  • Envelhecimento ativo e Saúde da Pessoa Idosa
  • Articulação e integração com as Redes de Atenção Prioritárias e os pontos de atenção estratégicos do SUS
  • Atenção Básica no cuidado à população idosa no SUS
  • Atuação intersetorial para qualificação da atenção nos territórios
  • Instituições de longa permanência e instituição de cuidados prolongados
  • Estudos e pesquisas, produção e disseminação de conhecimento
  • Planejamento, instrumento de monitoramento, indicadores e sistemas de informação
  • Gestão participativa, participação e controle social.
  • Gestão do Trabalho e Educação na Saúde
  • Equidade racial e gênero

 

Roteiro para apresentação:

Identificação

  1. Instituição
  2. Natureza da instituição
  3. Âmbito de gestão
  4. UF
  5. Responsável pela experiência
  6. Email
  7. g. Telefone
  8. h. Número de idosos no estado e no município.

Descrição da Experiência

  1. TITULO
  2. ENQUADRAMENTO NOS TEMAS PRIORITÁRIOS
  3. JUSTIFICATIVA
  4. d. OBJETIVO GERAL E ESPECIFICO
  5. e. DESCRIÇÃO DA EXPERIÊNCIA
  6. f. ÁREA DE ABRANGÊNCIA
  7. g. EXISTE ARTICULAÇÃO ENTRE REDES DE ATENÇÃO Á SAÚDE E/OU REDES ASSISTÊNCIA SOCIAL
  8. h. EQUIPE EXECUTORA

Resultados

  1. RESULTADOS, PRODUTOS E IMPACTOS RELEVANTES NA QUALIDADE DA ATENÇÃO Á PESSOA IDOSA
  2. POTENCIAL DE APLICABILIDADE EM OUTROS TERRITÓRIOS/ MUNICÍPIOS/ ESTADOS
  3. c. SUSTENTABILIDADE/ESTRATÉGIAS PARA GARANTIR A CONTINUIDADE DO TRABALHO

Processo de mapeamento com etapa Seletiva:

O processo de mapeamento e seleção será realizado em cinco etapas:

Etapa

Atividades

Data

1ª etapa

Inscrição

09/07/ 2014 a 30/08/2014

2ª etapa

Mapeamento e Sistematização

01/09/2014 a 10/09/2014

3ª etapa

 

Constituição do Comitê Avaliador e convites para participar da reunião de avaliação

– Estabelecer consenso sobre critérios e valores  a serem aplicados  na seleção das experiência

– Selecionar 12 experiências

10/09 a 15/10/2014

4ªetapa

– Divulgar resultados no site e enviar mensagem para os participantes

– Comunicar aos gestores das 12 experiências selecionadas

– Organizar evento para apresentação, premiação e divulgação das experiências.

1/11/2014

 

 

 

5ªetapa

– Realizar evento  de apresentação das experiências exitosas -2ª edição 2014

12/11/2014

 

1ª Etapa – Inscrição

A inscrição será realizada por meio do formulário eletrônico FormSUS disponível no Site do Ministério da Saúde e e-mail circular de divulgação com  link de acesso.   O formulário foi desenvolvido em parceria com o DATASUS, de acordo com os campos do roteiro aprovado para inserção das experiências. O endereço será amplamente divulgado e as inscrições ficarão abertas no período de 09 de julho a 30 de agosto de 2014.

 

2ª Etapa – Mapeamento e Sistematização

As experiências inscritas serão arquivadas, por meio da ferramenta FormSUS, o que  permitirá geração de relatórios completos ou parciais dos dados inseridos pelos gestores. Os relatórios serão distribuídos para o comitê de avaliação para subsidiar a análise, de acordo com os critérios relacionados neste documento.

 

3ª Etapa – Constituição do Comitê Avaliador

Para avaliar o conjunto de experiências será constituído um comitê avaliador especifico para esta finalidade, composto por gestores, pesquisadores e representante do Controle Social, as representações serão nominais e /ou institucionais. A seguir, os critérios adotados para seleção das experiências:

  1. Alinhamento com os princípios e diretrizes do SUS, com destaque para a Politica Nacional de Saúde da Pessoa Idosa e as diretrizes para organização da Rede de Atenção à Saúde;
  2. Pertinência com os 10 temas prioritários definidos no momento da inscrição;
  3. Caráter inovador;
  4. Reprodutibilidade em contextos similares;
  5. Clareza e objetividade na apresentação descrição;
  6. Relevância dos resultados.

Etapa – Divulgação da Experiência

Será amplamente divulgado o resultado e informado aos responsáveis pela experiência.

5ª Etapa – Divulgação da Experiência

Os gestores responsáveis pelos trabalhos selecionados (12) apresentarão as suas experiências no evento a ser organizado em Brasília.   Serão convidados os coordenadores de Saúde da Pessoa Idosa dos estados, municípios capitais e munícipios acima de 500 mil habitantes, áreas técnicas do Ministério da Saúde, OPAS, CONASS, CONASEMS, CNDI e CISPI/CNS.

<-Voltar