Congresso do Conasems – CONASS participa de debate sobre financiamento e acesso à medicamentos

Serra – A assessora técnica do CONASS, Lore Lamb, participou hoje (03), do seminário Necessidade e Acesso a Medicamentos no SUS: O desafio do financiamento da Assistência Farmacêutica. O objetivo do encontro foi debater os desafios do acesso a medicamentos no SUS, com a discussão de temas como a dificuldade de garantir o acesso a medicamentos e a integralidade da assistência à saúde mediante a escassez de recursos.

Também participaram da discussão o diretor do Departamento de Assistência Farmacêutica do Ministério da Saúde (DAF/MS), José Miguel Nascimento, a secretária municipal de saúde de Atalaia/AL, Michele Oliveira. A coordenação da mesa foi feita pela professora da Universidade de Brasíla (UnB), Noêmia Urruth.

Lore Lamb observou que as necessidades da assistência farmacêutica não se resumem apenas ao acesso a medicamentos, mas abrange também um grupo de ações como aquelas voltadas à promoção, proteção e recuperação da saúde, garantindo os princípios da universalidade, integralidade e equidade.

Segundo ela, em todos os eixos estratégicos estabelecidos para a área, houve avanços e ações concretas, com participação do Ministério da Saúde, Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde. “A assistência farmacêutica teve inúmeros avanços, incluindo aí a disponibilização de recursos para qualificação da área nos municípios com extrema pobreza, no entanto, ainda há grandes diferenças entre a situação da AF em distintos estados e municípios em relação aos estágios de organização da área e acesso aos medicamentos”, disse.

A assessora explicou que esses problemas relacionam-se com a questão do financiamento da saúde no país. ” A forma como os sistemas são financiados determina a atenção à saúde a ser ofertada à população. Não podemos falar de acesso aos medicamentos sem financiamento adequado”, explicou.

Para ela, um dos desafios para a área é utilizar da melhor maneira possível os recursos disponíveis já que o cenário que se desenha é de gastos cada vez maiores na saúde e na AF. 

Tatiana Rosa – jornalista

Assessoria de Comunicação Social do CONASS

ascom@conass.org.br

61 – 3222.3000

<-Voltar