Congresso do Conasems – Os Entes Federados e o financiamento do SUS

Serra – O financiamento do SUS foi tema de debate em uma mesa redonda que reuniu as três esferas de gestão do sistema e que teve como debatedor o professor e pesquisador da Universidade de São Paulo (USP), Áquilas Mendes. A secretária executiva do Ministério da Saúde, Ana Paula Menezes, o presidente do Conasems, Antonio Carlos Figueiredo Nardi e a assessora técnica do CONASS, Viviane Rocha de Luiz, falaram sobre o tema.

Segundo Viviane Rocha, há inúmeros desafios postos ao SUS como o desafio da universalidade, da gestão do trabalho, da assistência à saúde, da participação social e do modelo institucional.

No entanto, ressaltou que o grave problema do subfinanciamento do setor ameaça a sustentabilidade do sistema e que é preciso encontrar soluções para essa questão.

A assessora destacou a posição do Conselho em relação ao tema. “Para o CONASS esse desafio perpassa alguns critérios como o compromisso com os princípios constitucionais do SUS, a necessidade de aumentar os gastos públicos com saúde e a redução das desigualdades regionais”, observou.

Ainda de acordo com ela, é preciso também que haja uma grande mobilização de todos os setores da sociedade em prol do Movimento Saúde + 10. “Precisamos nos unir e exigir a aprovação do PLP n. 321/13 que prevê a destinação de 10% da Receita Corrente Bruta da União para a saúde, da maneira como ele foi apresentado e não apensado a outro como está sendo proposto na Câmara dos Deputados”, concluiu.

Confira aqui a apresentação da assessora técnica do CONASS.

Tatiana Rosa

Assessoria de Comunicação Social do CONASS

ascom@conass.org.br

61 – 3222.3000

<-Voltar