Convênio disponibiliza leitos de UTI no Sertão

Serviço será conveniado no Pronto-socorro São Francisco

SES/PE

Moradores do Sertão pernambucano, que vivem a pior estiagem na região em décadas, receberam, com satisfação, na manhã desta segunda-feira (08/04), além da chuva, mais um serviço de saúde especializado. O secretario estadual de Saúde, Antonio Carlos Figueira, conveniou dez leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para adultos no Pronto-socorro São Francisco, em Salgueiro. A ativação desses leitos, pela primeira vez ofertado na região, amplia o acesso do serviço aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

O investimento foi exclusivamente privado, sendo realizada uma licitação pública para credenciamento do serviço. Por mês, serão repassados R$ 359 mil para o custeio dos dez leitos de UTI, totalizando R$ 4,3 milhões por ano. Os leitos irão beneficiar a população dos sete municípios que englobam a VII Regional de Saúde – Belém do São Francisco, Cedro, Mirandiba, Serrita, Terra Nova, Verdejante e Salgueiro (sede) –, oferecendo assistência médica especializada para pacientes adultos com perfil de clínica geral. Uma equipe multidisciplinar de 40 médicos irá atuar no serviço.

“Salgueiro, sem dúvida alguma, tem se consolidado como polo médico fundamental no Sertão central. Em novo concurso médico realizado no Estado de Pernambuco, Salgueiro foi a terceira Regional de Saúde com o maior número de candidatos inscritos, só perdendo para Recife e Caruaru. Com a UPA 24 horas e a UPA de Especialidades, que vamos inaugurar em dezembro, vamos desafogar o Hospital Regional Inácio de Sá. Essa contratação de serviço de leitos de UTI será muito benéfica para o SUS”, pontuou o secretário Antonio Carlos Figueira.

“É uma satisfação saber que vamos prestar para a população uma assistência médica de qualidade. É a primeira UTI da região e sei que trará muitos benefícios”, disse o diretor do pronto-socorro, Francisco Assis.

Atualmente, a rede estadual conta com 1.092 leitos de UTI, 98 deles abertos em 2012. Em 2007, eram 228, o que representa um aumento de 375%. O secretário Antonio Carlos Figueira ainda lembra que no final deste semestre haverá a inauguração dos leitos de UTI do Hospital Regional Fernando Bezerra, em Ouricuri, única região ainda sem este serviço.

<-Voltar