Demandas durante o feriado de Carnaval foram consideradas tranquilas


O maior volume de demandas foi constatado no Pronto Atendimento Cosme e Silva, que
registrou pouco mais de 2.500 atendimentos neste período.

 

Feriados prolongados são costumeiramente épocas em que as demandas na rede pública de saúde apresentam expressivo aumento. Prevendo essa tendência, as três unidades de referência do Estado trabalharam com reforço nas equipes para manter o atendimento regularizado durante o carnaval deste ano. O resultado é que a procura pelos serviços nas Unidades Hospitalares foi considerada tranquila, para os cinco dias de festa.

No PACS (Pronto Atendimento Cosme e Silva), por exemplo, a procura pelos serviços de urgência e emergência foi considerada dentro da normalidade. Ao todo, foram registrados 2.601 atendimentos no período de 21 até o dia 25.

“Em períodos de feriado prolongado, as demandas costumam apresentar um expressivo aumento, mas nesse carnaval nós conseguimos perceber que a demanda se manteve e os trabalhos ocorreram de forma tranquila, sem intercorrências graves ou grande necessidade de transferência para o HGR”, destacou Don Martins, diretor clínico da unidade.

No Hospital Geral de Roraima Rubens de Souza Bento, os atendimentos também transcorreram de acordo com o planejado para o período, seguindo informou o diretor clínico do PAAR (Pronto Atendimento Airton Rocha), Dr. Raphael Brunelli.

Na unidade, foram registrados 1.449 atendimentos, sendo 1.163 pelo PAAR e 286 no GT (Grande Trauma). “Nós observamos que a média no carnaval foi de 200 atendimentos de pacientes geralmente estáveis, menos graves ou com algum quadro de desconforto clínico, que acabaram apresentando  algum tipo de descompensação. Em dias normais, essa média fica entre 500 a 600 atendimentos. No caso do GT, a procura que cursa entre 35 a 40 atendimentos por dia foi de 70, um número bastante expressivo, mas que ainda assim contou com todo o reforço de atendimento da nossa equipe”, salientou.

Já no HMINSN (Hospital Materno Infantil Nossa Senhora de Nazareth), unidade materna que tem passado por trabalhos de revitalização, as demandas também foram classificadas como dentro do esperado. Foram realizados nesse período 167 partos, sendo 113 normais e 54 cesarianas.

“A gente sempre espera um aumento de demanda nesse período, tanto que a equipe de plantão fica de prontidão para realizar os atendimentos da melhor forma possível. Como diretora geral, a minha avaliação foi que esse feriado prolongado transcorreu de forma tranquila, sem grandes transtornos”, pontuou Dra. Patrícia Renovato, diretora geral da maternidade.

FOLIA COM SEGURANÇA – Além do atendimento reforçado nas unidades de saúde, o Governo de Roraima também levou ações de concentração junto aos foliões do Carafolia, evento realizado pela Prefeitura de Caracaraí que contou com a Sesau (Secretaria de Saúde) e Secult (Secretaria de Cultura) como parceiras.

Pela CGVS (Coordenadoria Geral de Vigilância em Saúde), foram disponibilizadas 50 caixas de preservativos, o que equivale a 7.200 camisinhas masculinas e femininas, além de panfletos com orientações sobre prevenção contra ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis).

AÇÕES OCORRERÃO TAMBÉM NA CAPITAL – Já em Boa Vista, o SAMU Roraima estará dando suporte ao “Carnateca”, evento organizado pela Secult (Secretaria de Estado da Cultura) que será voltado para a comunidade do bairro Senador Hélio Campos e áreas adjacentes.

“Caso seja necessário fazer uma remoção de paciente para algum hospital da cidade, essa equipe fará o contato de imediato com a Regulação, que dará todas as orientações médicas de como proceder até a chegada na unidade”, ressaltou Márcia Veras, coordenadora da Central de Regulação das Urgências Médicas do SAMU.

O “Carnateca” será realizou na próxima sexta-feira, dia 28, a partir das 15 horas, na Casa do Cidadão, situada na rua Izídio Galdino da Silva, bairro Senador Hélio Campos.

ASCOM/SESAU

<-Voltar