Final de semana registra altas médicas nos Hospitais de Campanha do Pará

A primeira alta de um paciente de covid-19 do hospital de Campanha, em Santarém, ocorreu neste sábado (25). O idoso Joe Luiz Ribeiro de Andrade, de 73 anos, que é hipertenso e diabético, foi transferido da UPA para a Unidade montada pelo governo do Estado no último dia (22).

O médico infectologista Dr. João Assy, informou que o paciente chegou ao hospital de campanha com febre, dor no peito e falta de ar. Recebeu o tratamento e com a melhora de seu quadro clínico, foi possível retirar o oxigênio e após mais de 24 horas sem apresentar febre, foi liberado. Ainda segundo o infecto, o paciente vai seguir no teleatendimento, até a resolução dos sintomas.

A esposa de seu Joe, Claudenice Araújo, falou sobre a alegria de tê-lo em casa novamente: “Temos que agradecer a Deus em primeiro lugar e todo apoio que tivemos do SUS e da equipe do hospital de campanha, através de todo esse planejamento que está havendo para combater o vírus, pois de outra forma ficaria muito difícil para nós, por ser um tratamento caro. A alegria de ter meu esposo em casa, sem febre e sem precisar de oxigênio me deixa muito agradecida”.

O secretário regional de governo do oeste do Pará,  Henderson Pinto, afirmou que quando há planejamento é possível encontrar soluções. “Hoje tivemos o privilégio de ver o primeiro paciente receber alta do hospital de Campanha, prova que quando há planejamento, quando é possível se antecipar ao problema como o governador Helder fez, fica muito mais fácil resolver. O hospital de Campanha é exatamente isso, um hospital de retaguarda”,  explicou.

O diretor Geral do Hospital de Campanha de Santarém, Silvério Cardoso, afirmou que o momento em que o paciente recebe alta, é extremante gratificante, tanto para a família, quanto para a equipe de profissionais que o ajudou.

“Foi um trabalho muito orquestrado no sentido de fazer os treinamentos com os profissionais, pensar em todos os detalhes para garantir uma assistência de qualidade aos pacientes e mais gratificante ainda é entender que os sintomas foram minimizados e hoje ele tem condição de alta. O Hospital de Campanha de Santarém chegou em um momento muito oportuno para complementação da rede em seus níveis de assistência, garantindo uma grande força no combate ao covid-19″, concluiu o diretor.

O Hospital de Campanha de Santarém dispõe de 120 leitos, distribuídos em uma área de 3,6 mil metros quadrados, para atender as regiões oeste do Pará, Baixo Amazonas, Xingu e Tapajós.

Hospital de Campanha em Marabá

No Hospital de Campanha de Marabá, uma alta de um paciente idoso também foi registrada. Seu José Andrade Farias, de 62 anos, que também foi o primeiro paciente a receber atendimento na unidade montada pelo Governo do Pará, recebeu alta na última sexta-feira (24). José foi transferido do Hospital municipal de Marabá e ficou internado por seis dias no Hospital de Campanha.

Na saída, ele recebeu aplausos da equipe de saúde e agradeceu. “Estou curado, graças à Deus e a essa equipe que cuidou de mim”, disse o idoso em um vídeo gravado na sua despedida do hospital.

Hospital de Campanha do Hangar

Em Belém, o diretor da 6ª Regional de Saúde da Sespa, Cleidson Silva, 41 anos, recebeu alta no sábado (25). Ele seguiu o tratamento em casa, em isolamento social e a partir desta segunda-feira (26) deve retornar às suas atividades profissionais da Secretaria de Estado de Saúde.

Texto: Ronilma Santos/ SRGBA (Com colaboração de Larissa Noguchi)

<-Voltar