Marcha contra a PEC 55

marchaO Conselho Nacional de Saúde conclama a todos (as) Conselheiros (as) de Saúde, Entidades, Instituições e Movimentos Sociais para assumir o protagonismo na mobilização, organização e participação na “3ª Marcha em Defesa da Saúde, da Seguridade Social e da Democracia”, no dia 07 de dezembro de 2016, com concentração a partir das 1Oh, na Catedral Metropolitana de Nossa Senhora Aparecida, em Brasília-DF.

A agenda lembrará 1 ano de realização da 1 ª Marcha em Defesa do SUS que aconteceu durante a 15ª Conferência Nacional de Saúde e ocorrerá às vésperas da votação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 55 em segundo turno no Senado Federal.

O CNS, reunido em sua 287ª Reunião Ordinária, nos dias 1 O e 11 de novembro de 2016, deliberou pela realização de atividades de mobilização contra a PEC 55. Essa iniciativa tem por base a defesa permanente da saúde e do SUS enquanto direito da sociedade e atento aos constantes ataques a este que é uma das maiores conquistas do povo brasileiro!

As atividades iniciaram esta semana, entre os dias 21 a 25 de novembro de 2016, compreendida como “Semana de Vigília Nacional em Defesa da Democracia e do SUS”, antecedendo a votação da PEC 55 em primeiro turno no Senado Federal. A proposta foi uma articulação entre o Conselho Nacional de Saúde com os Conselhos Estaduais e Municipais de Saúde para a promoção de ações – debates, plenárias públicas e reuniões – junto a sociedade, com o intuito de alertar sobre os riscos, caso a PEC 55 seja aprovada.

A união de esforços em torno de pautas comuns deve ser a tônica dos movimentos, entendemos que usuários, trabalhadores, gestores e prestadores de serviços devem estar do mesmo lado na luta por um País justo e cumpridor do seu dever de garantir os direitos do conjunto da sociedade.

Fonte: CNS

<-Voltar