Novo serviço da Central de Regulação do Ceará vai melhorar assistência aos pacientes

A partir desta segunda-feira (29), a Central de Regulação do Estado, da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), passa a contar com novo serviço para prestar assistência aos pacientes provenientes do interior e da capital. O serviço terá um médico neurologista de plantão para avaliar os casos neurológicos. A proposta é oferecer melhorias à assistência a esses pacientes, com especialistas, inclusive os de Fortaleza, quando necessário.

“Vamos melhorar a assistência dos pacientes que estejam esperando transferência, para que possamos diminuir a necessidade de transferir o paciente em casos menos complexos”, disse Mozart Rolim, coordenador da Regulação do Estado.

A ação faz parte da Plataforma de Modernização da Saúde, programa de planejamento estratégico da Sesa com foco no cidadão. A estrutura do Telessaúde permite o contato entre as equipes médicas para discussão dos casos. Com isso, facilitar a transferência ou a manutenção do paciente no hospital de origem, seguindo o tratamento indicado.

Para Mozart Rolim, o Telessaude já está funcionando com quase todas as especialidades na parte ambulatorial, orientando os profissionais, qualificando a fila, permitindo a efetivação de pareceres em tempo hábil, melhorando a assistência na Atenção Básica. “É um projeto que se inicia e tem muito a amadurecer e crescer para melhorar a assistência do nosso povo no Ceará”, reforça.

Em caráter de plantão, das 7 às 19h, de segunda a sexta-feira, especialistas poderão indicar direcionamentos e encaminhamentos nos casos neurológicos. Por videoconferência, cardiologistas também estarão de plantão para a condução das decisões referentes à assistência.

A médica neurologista Alissa Formiga é uma das profissionais que irá trabalhar no novo serviço. “Muitas vezes, com a adequada visão do quadro clinico, dos exames, a gente consegue dar o direcionamento para os pacientes e pode auxiliar os profissionais que atuam na linha de frente. É uma excelente ideia, de fundamental importância, e o serviço tem tudo para crescer ainda mais

A Central de Regulação do Estado funciona de maneira integrada, por meio de uma rede informatizada, com todos os municípios cearenses. Em tempo real, recebe e direciona as demandas. A Central envolve todas as referências intermunicipais de consultas especializadas e exames, internações hospitalares eletivas e ainda de urgência e emergência. Tudo isso através do conhecimento da capacidade de oferta de consultas e exames especializados públicos, contratados e conveniados, que integram a rede do Sistema único de Saúde (SUS).

Assessoria de Comunicação da Sesa
Repórter/Fotos: Fátima Holanda

<-Voltar