Programa Criança Feliz é apresentado em evento no México

Foto: Klecio Santos/MDSAA

Foto: Klecio Santos/MDSAA

Os objetivos do Programa Criança Feliz foram apresentados à comunidade internacional na quinta-feira (13) pelo ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra.

 apresentação foi feita durante o 16º Encontro Internacional de Educação inicial e Pré-Escolar: Desafio Integral da Primeira Infância, Inclusão e Atenção à Diversidade, na cidade de Monterrey, no México. O evento, que reúne delegações de 40 países, segue até domingo (16).

Lançado no início deste mês, o Criança Feliz busca fortalecer as políticas públicas para a primeira infância. Segundo Terra, só foi possível criar o programa devido ao apoio do presidente da República, Michel Temer, à proposta. “Ele nos está proporcionando um grande programa para milhões de crianças das famílias mais pobres do Brasil”, disse.

A iniciativa reúne ações nas áreas de assistência social, saúde e educação, entre outras, com foco no atendimento a crianças de 0 a 3 anos, beneficiárias do Bolsa Família e do Benefício de Prestação Continuada (BPC). “Mudando o começo da vida para melhor, mudamos toda a vida para melhor”, destacou Terra.

O ministro, que também integrou a mesa de abertura do encontro, classificou o evento como o mais importante do gênero em nível internacional. Organizado pelo Centro de Desenvolvimento Infantil da Frente Popular “Terra e Liberdade” (Cendi), o encontro aborda, nesta edição, o desenvolvimento integral da primeira infância.

A diretora-geral do Cendi, María Guadalupe Rodríguez Martínez, ressaltou a importância do evento e das discussões com parlamentares e outras autoridades sobre ações e políticas voltadas à infância. “Não podemos aceitar que, segundo dados da OMS, a cada 15 segundos, uma criança morra de fome no mundo, que 120 milhões vivam nas ruas”, ressaltou.

Para Osmar Terra, vários pontos positivos da experiência mexicana, que é referência mundial, podem ser aplicados no Brasil. “Pensamos em desenvolver uma parceria com o Cendi, aproveitando os pontos positivos do que já existe aqui”, afirmou.

O ministro também destacou a importância de uma forte mobilização voltada para sensibilizar os novos gestores que assumirão as prefeituras brasileiras em 2017. Ainda no campo político, ele citou a aprovação, por parte do Congresso Nacional, do Marco Legal da Primeira Infância e definiu a mobilização parlamentar como essencial para garantir políticas de atenção ao público infantil.

Fonte: Portal Brasil, com informações do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário

<-Voltar