REBRATS e EVIPNet inovam com desafio de programação, gestão de conhecimento e Informação em saúde

Seminário Internacional: Evidências Científicas para a Tomada de Decisão em Políticas Públicas e Programas de Saúde e a 1ª Mostra de Experiências em Gestão da Saúde Informada por Evidências reúne 200 convidados

A Rede Brasileira de Avaliação de Tecnologias em Saúde (REBRATS) e a Rede para Políticas Informadas por Evidências (EVIPNet Brasil) se uniram para realizar o Seminário Internacional: Evidências Científicas para a Tomada de Decisão em Políticas Públicas e Programas de Saúde e a 1ª Mostra de Experiências em Gestão da Saúde Informada por Evidências, que ocorre em Brasília entre de  27 a 29 de agosto de 2014.

Os eventos têm como objetivos: i) discutir estruturas e processos institucionais para apoio do uso do conhecimento científico na tomada de decisão no SUS; ii) incentivar a cultura de produção e uso do conhecimento científico na política de saúde e iii) identificar e promover a inovação e práticas exitosas de gestão e uso do conhecimento científico no SUS.

Os eventos são organizados pelo Departamento de Ciência e Tecnologia da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde (Decit/SCTIE/MS), pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz-Brasília) e Hospital Alemão Oswaldo Cruz por meio do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (PROADI-SUS).

As redes trazem de forma inédita uma maratona de desenvolvimento de soluções baseadas em tecnologia da informação para atendimento de demandas específicas ou projetos livres, conhecida como HACKATHON. No primeiro dia do evento programadores, designers, desenvolvedores e experts em gestão do conhecimento e informação em saúde participarão da 1ª Maratona de Programação e Desenvolvimento para Gestão do Conhecimento e Informação em Saúde. A expectativa é que os desafios e a produção tecnológica contribuam para a inserção de inovações no Sistema Único da Saúde (SUS).

Paralelo ao HACKATHON quatro oficinas ocorrerão com temas que passam por: respostas rápidas para tomada de decisão; jornalismo e comunicação em saúde; guia para práticas clínicas informadas por evidências e gestão estratégicas de redes sociotécnicas.  Fiocruz, Universidade de Brasília (UnB), Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), OPAS Brasil e Estados Unidos, Makerere University – Uganda e Maclean’s – Canadá são as instituições responsáveis pelas oficinas.

O Seminário Internacional: Evidências Científicas para a Tomada de Decisão em Políticas e Programas de Saúde terá quatro painéis. Gestão de serviços informada por evidências: casos e boas práticas tem foco no compartilhamento dos principais elementos das experiências e o apontamento dos mecanismos de institucionalização, barreiras, facilitadores, resultados e lições aprendidas.

Com o objetivo de discutir modelos de resposta rápida para a tomada de decisão no contexto nacional o painel Usos e Limitações de Metodologias de Respostas Rápidas para a Tomada de Decisão em Serviços, Sistemas e Políticas de Saúde terá foco nas metodologias e resultados apresentados. Na área de comunicação em saúde a Tradução do Conhecimento e Comunicação em Saúde nomeia o terceiro painel que apresentará e discutirá conceitos teóricos e aplicações dos processos para a tradução do conhecimento, por meio de estratégias de comunicação, institucionalização de processos e jornalismo científico.

O último painel: Judicialização da Política e o Papel das Evidências Cientificas no Processo Jurisdicional promoverá a discussão sobre os desafios e oportunidades do uso de evidência no contexto da judicialização das políticas de saúde no Brasil.

O Seminário Internacional: Evidências Científicas para a Tomada de Decisão em Políticas Públicas e Programas de Saúde e a 1ª Mostra de Experiências em Gestão da Saúde Informada por Evidências reunirá cerca de 220 convidados e ocorrerá na Fiocruz Brasília.  

Sobre a mostra

1ª Mostra de Experiências em Gestão da Saúde Informada por Evidências
Gestores de saúde de instituições públicas ou privadas submeteram experiências relacionadas ao uso de evidências no processo de tomada de decisão para a 1ª Mostra de experiências em Gestão da Saúde por Evidências que ocorre em Brasília. A Mostra objetiva compartilhar estratégias de uso, difusão e tradução na gestão da saúde e os relatos foram submetidos até 20 de julho de 2014.
Os  relatos incluem informações sobre os seguintes aspectos:
·         institucionalização (composição da equipe, vinculação institucional);
·         operacionalização (público-alvo, priorização de temas, fluxos de trabalho, tipos de estudos produzidos);
·         orçamento (formas de contratação de estudos, remuneração da equipe);
·         disseminação da evidência (mecanismos de difusão do conhecimento).
·         motivação do uso da evidência;
·         descrição e objetivos da experiência;
·         resultados e implicações obtidos.
A Rede Brasileira de Avaliação de Tecnologias em Saúde – REBRATS e a Rede para Políticas Informadas por Evidências – EVIPNet Brasil organizam a Mostra e compõem a comissão organizadora, que conta ainda com representantes do CONASEMS e do Decit/SCTIE/MS. Os trabalhos selecionados serão apresentados no Seminário Internacional: Evidências científicas para a tomada de decisão em políticas e programas de saúde que ocorre no dia 28 e 29 de agosto de 2014 na Fiocruz em Brasília.
Divulgação dos resultados:
Data provável – 29 de julho de 2014.

Dúvidas
Para eventuais esclarecimentos, encaminhar mensagem eletrônica arebrats@saude.gov.br.

Serviço:
Seminário Internacional: Evidências Científicas para a Tomada de Decisão em Políticas Públicas e Programas de Saúde
1ª Mostra de Experiências em Gestão da Saúde Informada por Evidências
Data: 27 a 29 de agosto de 2014
Horário: 08h30 às 18h
Local: Fiocruz Brasília – Campus Darcy Ribeiro – Asa Norte, Brasília – DF, 70790-900
Para transmissão em tempo real acesse: www.datasus.gov.br/emtemporeal

<-Voltar