Saúde começa a executar plano de ação do Projeto de Reestruturação

Técnicos do Conass apresentaram o plano para o Governador

Os técnicos e conselheiros do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS), apresentaram hoje (15), o primeiro produto elaborado pelo Programa de Reestruturação Gerencial da Secretaria de Estado da Saúde para o governador do Estado do Piauí, Wellington Dias, secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto e presidente do Tribunal de Contas do Estado, Olavo Rebêlo.

Foto: James Almeida

O Programa é realizado em etapas e iniciou com a identificação das áreas em que deveriam ser focados os processos de melhorias, realizou oficinas que envolvem os gestores das áreas meios e fim, que acompanhados por técnicos do CONASS ,e por meio dessas problematizações levantadas pela equipe, foi  elaborado o plano de trabalho com definições de ações a serem executadas até dezembro de 2018, e ainda médio e longo prazos.

“A reestruturação moderniza a Secretaria de Saúde, aponta caminhos para o maior controle com base na experiência daquilo que deu certo ou errado para vários outros estados. Com essa trabalho em parceria é possível ter um plano de ação que permite um gerenciamento em que possamos dar respostas mais ágeis para população no âmbito da Saúde”, explica o governador do Estado do Piauí.

O Conass monitorará a cada 60 dias a execução dos os trabalhos  previstos no plano, que trará mais celeridade, padronização e modernização dos processos administrativos, buscando trabalhar a regionalização e valorização do planejamento da Secretaria, proporcionando uma  reorganização de toda a  Saúde.

Segundo o secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, “foram definimos quais eram as questões mais urgentes a serem enfrentadas e definimos um plano de ação com objetivos bem claros metas bem definidas e indicadores para medir o resultados das  ações desenvolvidas até  dezembro de 2018”.

Para o conselheiro do Conass, René Santos, essas mudanças irão refletir a curto prazo na oferta de um melhor serviço à população, como por exemplo de transferência fundo-a-fundo que permitem mais rapidez no repasse recursos para os municípios, o que resulta em resultados mais efetivos e ágeis. O secretário executivo do Conass, Jurandir Frutuoso, elogia a participação assídua de toda a equipe técnica e do secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, em  todas as discussões e  decisões.

Por: Denise Nascimento

<-Voltar