Secretaria Estadual de Saúde já montou 64 centros de hidratação contra dengue em parceria com prefeituras

Estado já tem mais de 107.168 casos suspeitos de dengue no estado do Rio de Janeiro, com 12 óbitos causados pela doença

SES/RJ

Com 40% dos municípios com epidemia de dengue, a Secretaria de Estado de Saúde já montou, em parceria com as prefeituras, 64 centros de hidratação em 43 cidades do estado. Já são 107.168notificações de casos suspeitos da doença e 12 óbitos confirmados. Os dados de casos notificados foram compilados pela Secretaria de Estado de Saúde a partir de informações inseridas no sistema pelos municípios até 13h de 16 de março de 2013.

Clique aqui e veja a lista completa dos Centros de Hidratação

No mesmo período do ano passado foram notificados 77.414 casos suspeitos no estado, com 20 óbitos. Durante todo o ano de 2012 foram notificados 184.123 casos suspeitos de dengue no estado, com 42 óbitos. Na comparação entre 2012 e 2011, apesar do aumento de 9,34% nas notificações por dengue, a quantidade de óbitos caiu 70% no mesmo período.

Epidemia – Dos 92 municípios do estado do Rio de Janeiro, 37 estão em epidemia, mas a lista de cidades nessa situação teve alteração em relação à semana passada. Três municípios das regiões do Centro Sul e Baía da Ilha Grande entraram na relação de epidemia. Por outro lado, saíram 10 municípios das regiões Baixada Litorânea, Centro Sul, Noroeste, Norte, Metropolitana II e Serrana.

Entre os critérios considerados para que um município entre em epidemia está o registro de mais de 300 casos por 100 mil habitantes, curva ascendente de transmissão da doença sustentada por três semanas ou mais consecutivas, e com números acima do limite esperado para a localidade num determinado período de tempo. Estão em situação de epidemia de dengue os seguintes municípios:

Campanha 10 Minutos Contra a Dengue – A campanha da Secretaria de Estado de Saúde é o tom de alerta para evitar um alarme neste verão, sendo uma importante ferramenta de conscientização para a necessidade de todos se engajarem no combate ao foco do mosquito Aedes aegypti, transmissor da doença. O objetivo é estimular a população a investir 10 minutos por semana para eliminar possíveis criadouros em suas casas, já que o ambiente doméstico concentra 80% dos focos.

Monitora Dengue – Em uma ação inédita no país, projeto da Secretaria de Estado de Saúde vai distribuir dez mil smartphones aos municípios para transmissão dos dados sobre dengue em tempo real. O objetivo é garantir que os municípios consigam acompanhar em tempo real o trabalho dos agentes de endemia na busca por focos do mosquito transmissor da doença. A tecnologia vai agilizar a elaboração dos relatórios com os dados coletados e permitir que o tempo de resposta para implementação de ações de combate à dengue e atendimento aos pacientes seja feito mais rápido nos pontos onde houver necessidade.

Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado de Saúde
ascom.SESRJ@gmail.com
(21) 2333-3717
Twitter: @SaudeGovRJ
www.saude.rj.gov.br

<-Voltar