Secretário participa de manifestação de apoio ao Hospital Evangélico de Curitiba

O secretário de Estado da Saúde, Michele Caputo Neto, participou na manhã de domingo (24) do abraço simbólico no Hospital Evangélico que reuniu cerca de 500 pessoas entre profissionais que trabalham na entidade, estudantes, diretores, autoridades e representantes de entidades de classe.

“Este hospital tem desempenhado um papel fundamental para a saúde de todo Paraná em áreas importantes, como recuperação de queimados, transplantes, atendimento de urgência e emergência, entre outras áreas, e por isso tem o respeito dos gestores da saúde”, disse o secretário durante a manifestação de apoio. “A investigação deve acontecer e esperamos a punição dos culpados, mas também esperamos que os bons profissionais continuem fazendo seu trabalho e salvem vidas”, completou.

Os organizadores do evento distribuíram um texto explicando que o ato do “Abraço ao Hospital Universitário Evangélico de Curitiba foi feito em defesa dos 53 anos de história de ajuda à sociedade que essa instituição possui” e destacou que a manifestação não se posiciona sobre o julgamento das pessoas que foram acusadas de diversos crimes e que cabe aos órgãos competentes apurar e julgar os fatos.

Após o abraço simbólico, os manifestantes aplaudiram o hospital e se reuniram na frente da entrada principal onde todos rezaram a oração do Pai Nosso, conduzidos pelo capelão do Evangélico, Epaminondas Carmargo da Silva.

Também participaram do ato simbólico o secretário de Saúde de Curitiba, Adriano Massuda, o vice-presidente da Associação Médica do Paraná, José Fernando Macedo, o superintendente de Gestão de Sistemas de Saúde da secretaria estadual da Saúde, Paulo Almeida e o diretor da 2ª Regional de Saúde metropolitana de Curitiba, José Carlos Silva de Abreu.

<-Voltar