Seminário reúne dirigentes de OS, secretários de saúde e representantes dos tribunais de contas e MP

O seminário “Boas práticas na gestão de parceria com o terceiro setor na saúde” reuniu, nos dias 22 e 23/8, na sede do TCU, em Brasília, dirigentes de organizações sociais, secretários de saúde e representantes dos tribunais de contas e do Ministério Público com o objetivo de propor debates para o aperfeiçoamento das relações entre o poder público e o terceiro setor na área da saúde.

O encontro foi uma iniciativa conjunta do Tribunal de Contas da União (TCU), Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e Instituto Brasileiro das Organizações Sociais de Saúde (Ibross).

Para o presidente do Ibross, Renilson Rehem, a parceria entre os órgãos é importante reflete a possibilidade de aperfeiçoar o modelo de gestão e garantir o seu uso adequado. “O Ibross foi criado não só para defender o interesse das organizações, mas, principalmente, zelar pelo bom uso do modelo. E, para isso, é necessário planejamento e compreensão para que se possa fazer de maneira eficiente”, afirma.

O Secretário de Saúde do Estado de Goiás e presidente do Conass, Leonardo Vilela, afirma que o terceiro setor, em especial as organizações sociais de saúde, são experiências vitoriosas de mais de 20 anos espalhadas por todo país nas várias esferas de governo, municipal, estadual e federal. “O modelo de gestão por OS é uma alternativa extremamente importante para a saúde pública e deve ser levada a sério pelos gestores”, afirma. “O que observamos é que existem muitas dúvidas acerca do modelo, ideias discrepantes, até mesmo alguns órgãos de controle têm posições dispares que precisam ser esclarecidas para que o modelo avance e se aperfeiçoe cada vez mais”, completa.

Assista a cobertura completa do primeiro e segundo dia de evento.

Fonte: Ibross

Foto: Tribunal de Contas da União (TCU)

<-Voltar