Vendas de genéricos aumentam no Brasil

As pessoas estão comprando mais medicamentos genéricos. É o que aponta o levantamento divulgado ontem pela Associação Brasileira das Indústrias de Medicamentos Genéricos. A venda do medicamento no Brasil cresceu aproximadamente 24% nos três primeiros meses deste ano, comparado com o mesmo período de 2011. No total foram vendidos mais de 152 milhões de genéricos em todo o País.

O diretor do Departamento do Complexo Industrial e Inovação em Saúde do Ministério da Saúde, Zich Moyses Júnior, diz que o crescimento nas vendas dos genéricos aumenta a competitividade entre os laboratórios que fabricam o medicamento. Zich Moyses explica que quando o medicamento é comprado pelo SUS o preço cai ainda mais. “Eu consigo baixar preço, eu consigo internalizar tecnologia e garanto que o produto que vai ser suprido pela sociedade tenha a mesma efetividade do produto anterior. Então ele tem essa importância dentro do sistema saúde. Eu consigo mudar o produto que estava de origem por um novo mantendo a mesma eficiência no sistema de tratamento do paciente”.

Para a Associação Brasileira das Industriais de Medicamentos Genéricos, as vendas devem crescer ainda mais nos próximos meses com a chegada às farmácias dos chamados genéricos de nova geração. Eles são medicamentos mais modernos e eficazes que tiveram o registro vencido recentemente. Desde 2001, quando os genéricos chegaram ao mercado brasileiro, a população economizou mais de 26 bilhões de reais comprando remédios, segundo dados da associação.

Fonte: Alexandre Penido / Web Rádio Saúde

Foto: Divulgação

<-Voltar