Profissionais de saúde do Pará participam do 1º Curso de Especialização em Planificação da Atenção Primária à Saúde

Priorizar a Atenção Primária à Saúde (APS) no país de maneira que ela ofereça serviços de maior resolutividade e qualidade para os cidadãos tem sido prioridade do CONASS, que, desde o ano de 2006, tem atuado no debate e proposto estratégias para a sustentabilidade da APS no país.

Entre as várias atividades realizadas com esse fim, destaca-se o processo de Planificação da Atenção Primária à Saúde nos estados, realizado pelo CONASS, por meio de oficinas que, ao fim, resultam em um plano de intervenção da APS no âmbito estadual.

Já realizadas em diversos estados, esse processo desdobra-se agora, de forma pioneira, no estado do Pará, com a realização do 1º Curso de Especialização em Planificação da Atenção Primária à Saúde.

Em parceria com o CONASS e com a Universidade Estadual do Pará, o curso, realizado pela SES/PA, é direcionado aos profissionais da Região de Saúde Metropolitana III, cuja sede é o município de Paragominas. O objetivo é formar gestores de Saúde e organizar a Rede da Atenção Primária naquela região.

O primeiro módulo do curso terá início em fevereiro, mas a aula inaugural, proferida pelo professor Eugênio Vilaça Mendes, aconteceu no dia 26 de outubro, no Centro Cultural de Paragominas. Aproximadamente 180 pessoas, entre profissionais e autoridades da área da saúde, participaram do encontro, entre elas o secretário de Estado da Saúde do Pará, Hélio Franco, a Diretora da Atenção Primária de Saúde, Jane Neves, a assessora do CONASS, Maria José Evangelista, o prefeito municipal de Paragominas, Adenair Demak, o secretário municipal de Saúde de Paragominas, Lúcio Lobato, e o presidente do Conselho Municipal de Saúde de Paragominas, Ricardo Gois.

A especialização terá duração de um ano e capacitará 60 profissionais de nível superior, servidores efetivos das Secretarias de Saúde dos municípios da Região de Saúde Metropolitana III que exerçam atividades vinculadas à Atenção Primária e Vigilância à Saúde.

Em conversa com a Revista Consensus, a diretora do Departamento de Atenção Primária da SES/PA, Jane Neves, explicou que o curso é um compromisso do estado do Pará que, ao iniciar o processo de Planificação da APS, por meio das oficinas do CONASS, percebeu a necessidade de fazê-lo também no nível regional e nos municípios da região. “Com as oficinas do CONASS, nós percebemos que a metodologia usada estimula o interesse dos trabalhadores e isso foi muito motivador, mas nós percebemos que, apesar de esses profissionais terem sidos sensibilizados, ainda era necessário proporcionar uma formação, pois eles realmente têm dificuldade naquela região. Foi então que nasceu a ideia do curso de especialização”, explica a diretora.

Neves complementa, ainda, que o fato de a maioria dos usuários do SUS na região Norte ser de ribeirinhos e indígenas foi fator determinante para a decisão de se realizar o curso de especialização, pois o cuidado com essas populações implica intervenções diferenciadas e compatíveis com a realidade em que vivem, exigindo que o profissional de saúde tenha conhecimentos diferenciados e eficientes.

Questionada sobre a expectativa em relação aos resultados que o curso poderá oferecer, Jane Neves diz-se confiante. “Tenho certeza de que essa especialização nos ajudará a mudar o modelo de Atenção Primária para atender às necessidades da população do nosso estado”, finalizou.

Para o secretário de Estado da Saúde, Hélio Franco, o curso, ao proporcionar a preparação necessária aos profissionais da área, irá possibilitar que a APS funcione de maneira eficaz no estado do Pará. “A Atenção Primária é fundamental para a população. Sem a qualificação não é possível garantir saúde de qualidade. Com atendimento adequado, previne-se uma séria de doenças crônicas que, se não tratadas, poderão futuramente comprometer a qualidade de vida das pessoas. A SES/PA vem trabalhando incansavelmente para o fortalecimento desse setor em todo o estado”, reiterou.

Especialização

O 1º Curso de Especialização em Planificação da Atenção Primária à Saúde será financiado com recursos da Educação Permanente em Saúde da Secretaria Estadual de Saúde do Pará, mas em consenso com a metodologia proposta pelo CONASS.

A assessora técnica do Conselho e gerente do Núcleo de Atenção Primária à Saúde, Maria José Evangelista, explica: “Quando a SES/PA quis transformar as oficinas – com o objetivo que elas propõem – em um curso de especialização, o CONASS abraçou a ideia porque sabemos que isso estimula o profissional que, além de aprender, sairá com um título de especialização. Percebemos que podíamos agregar uma coisa à outra”.

Segundo ela, o CONASS participará diretamente do curso, atuando como facilitador e garantindo a manutenção da metodologia proposta pelo projeto de Planificação da APS nos estados. “Nossa participação é nesse sentido de garantir que os ensinamentos propostos cheguem ao profissional e que eles de fato proporcionem mudanças no quadro da APS naquela região”, finalizou.

O principal objetivo da especialização é realizar ações e estratégias para aprimorar e promover melhorias na APS, por meio da construção das Redes de Atenção à Saúde nos municípios que compõem as regiões do estado e da reorganização do processo de trabalho. Entre os objetivos específicos, destacam-se o fortalecimento e a valorização da APS e a promoção da educação permanente em Saúde, visando à reorganização do processo de trabalho com foco nas equipes interdisciplinares.

 

* com informação da SES/PA

Matérias Relacionadas

Voltar ao Topo