Mais Saúde para Goiás avança para atendimento especializado

A Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO) está alcançando resultados significativos com o desenvolvimento do programa Mais Saúde para Goiás – Planificação da Atenção Primária. Além de reorganizar a assistência nas unidades básicas, o programa está possibilitando a reestruturação e qualificação do atendimento especializado. Este assunto foi debatido na manhã desta terça-feira, 15 de agosto, durante reunião realizada com as presenças de representantes da SES-GO, do Conselho Nacional dos Secretários de Saúde (Conass) e das sete Secretarias Municipais de Saúde da Região Entorno Sul.

O encontro foi realizado com o propósito de discutir a efetivação do Mais Saúde para Goiás no Entorno Sul, com sede em Luziânia. A região foi a primeira a desenvolver a fase prática do programa, denominada Tutoria. Ela começou a ser realizada em outubro do ano passado, na Unidade de Saúde Sol Nascente, em Luziânia, e, nos meses seguintes, foi estendida para unidades dos demais municípios.
Com a implantação da Tutoria, as equipes fizeram o mapeamento da área de abrangência da unidade; implantaram o prontuário familiar; passaram a realizar o atendimento com hora marcada e estruturaram novos serviços, conforme a demanda da população.

O Mais Saúde para Goiás começou a ser efetivado em Goiás em outubro de 2015, em parceria com o Conass e com as Secretarias Municipais de Saúde. A fase teórica do programa, composta por seis oficinas de saúde, foi realizada nas 18 Regiões de Saúde do Estado. Efetivada por meio da multiplicação de conhecimentos, as oficinas proporcionaram a capacitação de todos os profissionais de saúde, do mais simples ao mais graduado.

Assistência especializada
Já a fase prática do programa está em desenvolvimento em oito regiões de saúde. Além do Entorno Sul, a Tutoria está sendo efetivada em unidades das Regiões Central, Centro Sul, Entorno Sul, Norte, Oeste 2, Pirineus, Rio Vermelho e Sudoeste 1. A superintendente de Políticas de Atenção Integral à Saúde, Evanilde Fernandes Gomides, antecipa que nas 10 regiões restantes a Tutoria será efetivada a partir do ano que vem.

O fortalecimento da assistência especializada por meio da Planificação é defendida por representantes do Conass, por gestores e por representantes da SES-GO. O secretário-executivo do Conass, Jurandi Frutuoso, destaca que a qualificação da assistência especializada é uma consequência, uma ampliação do fortalecimento da atenção primária. “Ao reorganizar o atendimento na rede básica, os profissionais de saúde proporcionam a reestruturação na atenção especializada”, sublinha.

A Região de Saúde Pirineus será a primeira em Goiás a efetivar a reestruturação da atenção especializada. O processo vai acontecer concomitantemente com a reorganização da atenção básica. Foram escolhidos como referência para a assistência dos casos mais complexos a Santa Casa de Misericórdia de Anápolis, o Hospital e Maternidade Dr. Adalberto Pereira e o Cais Mulher.

Fonte: Ascom SES/GO

<-Voltar