Assistência hospitalar: Política pretende melhorar o atendimento hospitalar no país

Terminou nesta terça-feira (08) o prazo para o envio de sugestões na consulta pública criada para melhorar o atendimento na atenção hospitalar. A partir de agora, as informações recebidas serão analisadas e definidas pelo Ministério da Saúde para serem divulgadas em portaria da Política Nacional de Atenção Hospitalar. A medida foi criada para aperfeiçoar a atenção hospitalar no Sistema Único de Saúde (SUS), garantindo um atendimento cada vez mais humanizado. A ideia é reformular o atual modelo, tornando mais claras as competências de cada esfera – municipal, estadual e federal, de gestão no processo de reorganização, execução e acompanhamento da Política no SUS.

A coordenadora geral de Atenção Hospitalar do Ministério da Saúde, Ana Paula Cavalcante, conta como é o processo a partir de agora. ”A partir de agora, nós vamos consolidar todas as propostas, as sugestões e vamos elaborar uma portaria que vai ser pactuada com os secretários estaduais e municipais de saúde, e vamos publicar, logo em seguida, a Política Nacional de Atenção Hospitalar que tem como objetivo estabelecer as diretrizes para a organização dos serviços hospitalares no SUS. Não que hoje eles não estejam organizados, mas para aprimorar essa organização”, comenta.

A coordenadora também explica o que muda no atendimento hospitalar com a Política Nacional. ”Nós temos que atrelar o repasse de recursos financeiros ao cumprimento de metas. Tanto metas qualitativas, como metas de produção. E isso será feito por meio da contratualização dos hospitais. Hoje, boa parte dos hospitais não têm um contrato de metas com o gestor, e a partir da publicação dessa política, cem por cento dos hospitais que prestam serviços ao SUS terão que ter um contrato com metas bem estabelecidas com acompanhamento de indicadores de qualidade atrelando o recurso financeiro ao cumprimento dessas metas”, finaliza.

O esforço do governo federal é estruturar um programa nacional de monitoramento da qualidade dos serviços que são realizados no SUS.

Ouça a matéria da Web Rádio Saúde

Fonte: Amanda Mendes / Web Rádio Saúde

<-Voltar