Febre Amarela é o tema do Sala de Convidados

Terça-feira (14/02), às 11h, no Canal Saúde

Ao vivo

canalsaudeO surto de febre amarela silvestre enfrentado pelo Brasil, que já é o maior da História, colocou especialistas e a população em estado de alerta. Mas a quantidade de notícias desencontradas, manchetes sensacionalistas e a disseminação de boatos e desinformação também levaram as pessoas a ficarem com medos desnecessários e a fazer filas em postos de saúde para receber a vacina, muitas vezes, sem que houvesse urgência.

Até às 13h do dia 7 de fevereiro, o Ministério da Saúde havia divulgado 1.048 casos notificados da doença (894 deles em Minas Gerais). Do total, 777 estavam em investigação, 195 haviam sido confirmados e 76 descartados. A pasta informou ainda que até aquele momento 69 mortes pela doença tinham sido confirmadas.

O Ministério da Saúde tem enviado doses extras da vacina contra febre amarela aos estados e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) bateu recorde na produção do imunizante, que é fabricado no Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Biomanguinhos/Fiocruz). Neste momento, o Ministério da Saúde recomenda a vacinação para pessoas que moram nas áreas atingidas pela doença, quem mora próximo dessas regiões e aqueles que vão viajar para as áreas de risco ou regiões próximas a elas.

Para tirar dúvidas sobre a febre amarela e a vacinação e discutir a questão em maior profundidade, o Sala de Convidados reúne especialistas na próxima terça-feira (14/02). O programa vai ao ar, ao vivo, às 11h, no Canal Saúde e conta com a participação dos telespectadores, que podem mandar perguntas por telefone ou pela internet. Não perca e participe!

Sobre o Sala de Convidados

Programa ao vivo, apresentado por Renato Farias, inédito toda terça-feira, das 11h às 12h. Os temas em geral são factuais, relacionados às políticas públicas na área da saúde e a participação do espectador pode ser antecipada ou no dia com perguntas através do número 0800 701 81 22, pela fan page do Canal Saúde, pelo e-mail canal@fiocruz.br e pelo chat (apenas durante o programa) no site da TV.

Como assistir

Televisão: canal 2.4, no Rio de Janeiro e em Brasília e 3.4, em São Paulo, na multiprogramação da TV Brasil, no Sistema Brasileiro de TV Digital (também é acessível para celulares com TV); em todo o Brasil por antena parabólica digital (freqüência 3690). Internet: acesse www.canalsaude.fiocruz.br e clique na WEB TV, na página principal (acessível por computadores e dispositivos móveis)..

www.canalsaude.fiocruz.br    facebook.com/canalsaudeoficial     twitter.com/canalsaude

<-Voltar