Roraima – Hanseníase, Tracoma e Verminoses: alunos do município de Bonfim serão examinados

O município de Bonfim aderiu à campanha de combate à hanseníase, verminoses e tracoma. Em junho, a equipe da Coordenação Geral de Vigilância em Saúde (CGVS) vai ao município para examinar mais de 600 servidores e estudantes da escola Municipal Maciel Ribeiro Vicente da Silva, a maior do local. Serão dois dias de mobilização, 04 e 05 de junho.
A campanha é direcionada aos estudantes com idades de cinco a 14 anos. De acordo com a gerente do Núcleo de Controle das Doenças de Transmissão Hídricas e Alimentar, Teonília Loula, todas as crianças terão de tomar dose única de medicamento para combate às verminoses.
Médicos, enfermeiros, farmacêutico, Agentes Comunitários de Saúde, técnicos e professores darão suporte durante a ação. Haverá rodízio entre os profissionais. Com isso, o Estado garante atendimento nos dois turnos de aula e aumenta as chances de atender a todas as crianças. Os trabalhos são feitos em parceria com o município de Bonfim.
A equipe da CGVS já fez contato com os profissionais de saúde que atuam na Unidade Básica de Saúde (UBS) de Bonfim. Assim, se houver confirmações de alguma das doenças, as crianças serão acompanhadas pelos profissionais da UBS da região ou, se necessário, encaminhadas ao Hospital Coronel Mota (HCM) para tratamento.
A equipe do Departamento de Vigilância Ambiental, da Secretaria Estadual de Saúde (Sesau) fará coleta de água nos bebedouros, na copa e na torneira antes da caixa d’água. O material será encaminhado ao Laboratório Central de Roraima (Lacen) para análise. A coleta é necessária, pois muitas doenças são de veiculação hídrica, entre elas, as verminoses.
Para os educadores ajudarem no trabalho de combate às doenças, o Ministério da Saúde (MS) elaborou um Guia chamado de “Bichos em eliminação”. O material foi disponibilizado para todas as escolas municipais do estado, independente de participarem ou não da campanha.
No Guia, há propostas de atividades que envolvem todas as disciplinas para serem desenvolvidas com os alunos. Com isso, independente da área de ensino, o professor poderá utilizá-lo. Nele, as doenças são apresentadas em três capítulos com os seguintes temas: bicho da barriga, bicho do olho e bicho dos nervos, fazendo alusão às verminoses, tracoma e hanseníase, respectivamente.
BOA VISTA
Na capital, a próxima ação será na Escola Municipal Amazona de Oliveira Monteiro, no Sílvio Leite, na Zona Oeste da cidade. Serão mais de 800 estudantes e servidores avaliados para detecção de casos de hanseníase e tracoma. Além disso, todas as crianças terão de tomar dose única de medicamento para combate às verminoses. Os trabalhos serão desenvolvidos no período de 21 a 24 de maio, durante os dois turnos de aula.

MÊS

LOCALIDADE

Amazona

Maio

Sílvio Leite

Darcy Ribeiro

Junho

Equatorial

Nova Canaã

Agosto

Nova Canaã

Dalício Farias Filho

Setembro

Santa Tereza

Maria Gertrudes

Outubro

Santa Luzia

Valdemarina Normando Martins

Novembro

Nova Cidade

Foto: Internet
Médicos, enfermeiros, farmacêutico, Agentes Comunitários de Saúde, técnicos e professores darão suporte durante a ação

 

Rebeca Alencar/Sesau

ASCOM SESAU
(95) 2121-0507
www.saude.rr.gov.br

<-Voltar