Roraima – Em oficina, agentes comunitários vão expor dificuldades enfrentadas

Os agentes Comunitários de Saúde (ACS) que atuam em todos os municípios terão a oportunidade de expor os principais problemas enfrentados pelas equipes da Atenção Básica. O encontro será durante todo o dia desta quinta e sexta-feira, no auditório da Secretaria Estadual de Saúde (Sesau).

De acordo com a coordenadora de Atenção Básica da Sesau, Ana Nery Oliveira, Equipes de Saúde da Família e gestores de todos os municípios, juntos, terão de construir estratégias de apoio e fortalecimento de atenção básica. Hoje (11), profissionais das Equipes de Saúde da Família (ESF) de Boa Vista participam, durante todo o dia (8h30 às 12h30 e das 14h às 18h), da oficina, no auditório da Universidade Federal de Roraima (UFRR).

Técnicos do Ministério da Saúde (MS) apresentaram aos participantes o Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ) e fizeram articulação da atenção básica nas redes, como Rede Cegonha, Rede de Urgência e Emergência e Rede de Atenção Psicossocial. Além de apresentar seus conhecimentos sobre os temas.

Entre as propostas levantadas pelos agentes durante o evento de hoje estão sugestões, como redimensionamento das macro e micro áreas de Boa Vista, aumento do número de Equipes de Saúde da Família (ESF), reorganização e maior integração dos trabalhadores (médicos, enfermeiros, técnicos e agentes) e a qualidade de vida dos profissionais de saúde.

Para os encontros com as equipes do estado, foram selecionados cinco temas para nortear as discussões; como identificar as fragilidades dos serviços, conhecimento da equipe estadual sobre a Política Nacional de Atenção Básica (PNAB). No final das discussões, as estratégias da atenção básica estadual para apoio aos municípios terão de ser apresentadas.

Conforme Ana Nery, com isso, o Estado pretende identificar as principais fragilidades dos serviços ofertados na Atenção Básica de saúde e, assim, elaborar políticas públicas com o intuito de solucionar os problemas dos serviços para melhor atender à população. O evento iniciou segunda-feira (09). Os mesmos temas já foram discutidos entre as gerencias da Atenção Básica do Estado.


ASCOM SESAU
(95) 2121-0507
www.saude.rr.gov.br

<-Voltar