Taguatinga/DF realiza ação contra dengue

Agentes de Vigilância Ambiental e Vigilância Sanitária realizam segunda e terça-feira ( 28 e 29) uma ação de identificação e eliminação de focos de dengue em pontos estratégicos no setor QI de Taguatinga Norte. Os técnicos se reunirão no Posto BR (QI 6), a partir das 9h, inspecionarão oficinas mecânicas, casas de materiais de construção e depósitos de recicláveis e terão o apoio da Agefis e Administração de Taguatinga.

Nos dias 31 de maio e 1º de junho, o trabalho será realizado no setor de oficinas de Taguatinga Sul (CSG). O encontro dos técnicos será na Inspetoria de Saúde de Taguatinga Sul. Serão visitadas oficinas mecânicas e borracharias.

O trabalho de prevenção da dengue em Taguatinga é constante.Os índices de infestação são baixos, mas de acordo com Ereni Alves Garcia, coordenadora do Grupo Intersetorial de Planejamento das Ações de Combate e Controle da Dengue (Geiplan-dengue), existem pontos na cidade que oferecem mais riscos de proliferação do mosquito Aedes Aegypti, como oficinas mecânicas, borracharias e depósitos. “O trabalho dos agentes de saúde e de vigilância ambiental é importante, mas a participação da comunidade e dos empresários é fundamental para controlar a dengue na cidade”, diz a coordenadora.

A Regional de Saúde de Taguatinga registrou 196 casos de dengue de janeiro a maio deste ano. Destes apenas 42 foram confirmados. Mesmo tendo baixos índices de infestação pelo mosquito – transmissor da febre amarela e da dengue, o Geiplan-dengue pretende incentivar ações permanentes para combate e controle da dengue. Técnicos da Dival e Agentes Comunitários de Saúde realizam um trabalho contínuo de orientação, busca, combate e controle do Aedes Aegypti em residências e prédios comerciais.

Em março foi realizado um grande mutirão para retirada de carcaças de veículos e aplicação de larvicida. Algumas oficinas foram notificadas e os agentes estão verificando se os empresários tomaram as medidas para controlar os focos do mosquito da dengue. Aqueles que não cumpriram as determinações serão autuados. Em abril o trabalho foi no Setor QNL. Moradores receberam informações sobre a dengue e orientação para preencher um cheklist, com diversas tarefas diárias (10 minutos, no máximo) para identificação e eliminação de focos.

O Geiplan-dengue de Taguatinga é formado por representantes da Regional de Saúde, Regional de Ensino, Conselho de Saúde, Diretoria de Vigilância Ambiental, Administração Regional, Agencia de Fiscalização (Agefis), Inspetoria de Saúde, entre outros.

Fonte: Regina Célia /Ascom-CGST

Foto: reprodução

<-Voltar