Palestras abordam Dia Mundial da Segurança do Paciente

Com o tema “Segurança do Paciente nos Tempos de COVID-19”, a Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE) abriu oficialmente, na última terça-feira, as atividades relacionadas ao Dia Mundial da Segurança do Paciente, lembrado no dia 17 deste mês. A partir de experiências observadas na UPA do Curado, foram discutidos, em palestras online, os desafios e a valorização da segurança dos pacientes no eixo horizontal, além da participação efetiva dos profissionais das unidades de saúde nos casos estudados. As ações, realizadas por trabalhadores da SES-PE, são acompanhadas pela coordenação de qualidade de segurança do paciente, liderada por Érika Lopes.

A coordenadora de enfermagem da UPA do Curado, Nathália Brígida, focou o tema: “UPA Curado em Tempos de COVID-19”. Num segundo momento, coube à enfermeira da educação permanente da unidade, Kilma Rocha, falar sobre o “Projeto de Identificação e Tratamento Precoce da Sepse nas Unidades de Pronto Atendimento (UPA 24h) em Pacientes Adultos”.

Os assuntos abordados foram acompanhados com atenção e interesse pelos envolvidos – profissionais da saúde em geral -, com participação ativa na troca de ideias, elaboração de perguntas e elogios à desenvoltura das palestrantes, que trouxeram farto material informativo, com amplo poder de debate.

“Estamos em busca sempre da evolução, e as atividades têm a importância de desenvolver os profissionais e melhorar os dados relativos à segurança do paciente. A pandemia nos assustou, era algo novo, com poucas informações sobre a COVID-19, mas o que fica é que o trabalho em equipe sempre vai sobressair e minimizar as dificuldades”, comentou Nathália Brígida.

HISTÓRICO

O Dia Mundial da Segurança do Paciente foi homologado em maio de 2019, a partir de uma sugestão da Organização Mundial da Saúde (OMS), que definiu 17 de setembro como a data de celebração. A Segurança do Paciente, por si só, merece um olhar especial. Não à toa, a necessidade de chamar atenção para os indicadores de falha não intencional que atinge usuários atendidos em hospitais. No mundo, todos os anos, ocorrem 134 milhões de eventos adversos em pessoas com passagem em unidades de saúde.

Com adesão de 194 membros da OMS, a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) se inclui na realização de ações com ênfase no Dia Mundial da Segurança do Paciente, cujo tema, este ano, leva em consideração a pandemia mundial de COVID-19: “Trabalhadores de Saúde Seguros, Pacientes Seguros”.

“Há uma importância grande para a conscientização de uma forma geral da sociedade. Laranja é a cor que representa o Dia Mundial de Segurança do Paciente. Vamos ter algumas ações, que vamos divulgar posteriormente, que valorizam o bem-estar de todos em um ambiente de atendimento à saúde”, afirma a médica Carla Araújo, moderadora da palestra e membro do núcleo estadual de segurança do paciente.

Fonte: Ascom SES/PE

<-Voltar