Projeto Segurança do Paciente na Atenção Primária à Saúde realiza primeira oficina

Evento em Brasília reuniu profissionais de todo o país que atuarão como facilitadores da iniciativa

A primeira oficina técnica do Projeto Segurança do Paciente na Atenção Primária à Saúde (APS), realizada em Brasília na segunda (10) e terça-feira (11), contou com a participação de mais de cem profissionais de todo o país. A equipe do projeto agradeceu a presença de todos os participantes, com destaque especial para a presença do Professor Eugênio Vilaça Mendes, referência da Planificação de Atenção à Saúde.

O projeto Segurança do Paciente na APS é desenvolvido pelo Hospital Moinhos de Vento tendo como demandante o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e acompanhado pelo Programa Nacional de Segurança do Paciente do Ministério da Saúde, através do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (PROADI-SUS). Tem como parceiros estratégicos o Hospital Israelita Albert Einstein e a Secretaria de Atenção Primária à Saúde.

Para o líder do projeto no Hospital Moinhos de Vento, Dr. Tiago Dalcin, de todas as dimensões que fazem parte de um cuidado com qualidade, a segurança do paciente é a dimensão mais crítica e o seu alicerce. “Trabalhar o tema de Segurança do Paciente na Atenção Primária à Saúde é essencial para melhorar a qualidade do cuidado global do sistema de saúde” destaca.

Ao longo dos dois dias de oficina, os facilitadores do projeto foram orientados sobre diversos aspectos relevantes para o processo de entendimento da segurança do paciente e sua multiplicação, principalmente através de ferramentas para tornar o processo de trabalho na APS mais seguro.

Além dos principais conceitos, foram abordados a magnitude e impacto do problema para a população brasileira e para o trabalho na APS; a segurança da medicação e do diagnóstico; o Programa Nacional de Segurança do Paciente (PNSP) e suas metas; o trabalho em equipe e a comunicação e o envolvimento do paciente no cuidado.

Presenças

Prestigiaram a abertura do evento o Superintendente de Educação, Pesquisa e Responsabilidade Social do Hospital Moinhos de Vento, Dr. Luciano Hammes; o representante do Hospital Israelita Albert Einstein, Márcio Paresque; o Coordenador Geral da Atenção Hospitalar e Domiciliar do Ministério da Saúde, Rafael Mendonça; a representante da Secretaria de Atenção Primária à Saúde do Ministério da Saúde, Érika de Almeida e o Secretário Executivo do Conselho Nacional de Secretários de Saúde, Jurandi Frutuoso. O Secretário de Atenção Primária à Saúde Erno Harzheim também prestigiou a oficina e durante sua fala enfatizou a importância da sistematização da segurança do paciente no processo de trabalho.

Fonte: Hospital Moinhos de Vento

<-Voltar